domingo, 30 de outubro de 2011

No céu, no sonho...


Dei-me a um céu que não chamo céu.

E lá estive quando era a luz que atravessava as nuvens

e o fogo que incendiava os lençóis.

Não vi anjos, nem portões, nem ouro.

Vi-me tão Afrodite, tão humana, tão menina...

E se a razão às vezes dói, é porque sonho.

E gostar de sonhar, é viver e nada mais.

2 comentários:

  1. "E se a razão às vezes dói, é porque sonho.
    E gostar de sonhar, é viver e nada mais."


    Pra quê versos mais perfeitos? *-----*

    www.minhasmaosdetesoura.blogspot.com


    www.amantesdiamantes.blogspot.com

    ResponderExcluir

O que sentiu sua alma?

Vida

Vida
Há muito o que ser escrito...

A quem siga vivendo de alegria ou agonia... Eu sigo vivendo da minha alegre e agonizante poesia.
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

  © Blog Design by Simply Fabulous Blogger Templates

Back to TOP