sábado, 4 de setembro de 2010

Tempo nosso

Vivo está o coração em chamas.
Amando o tempo.
Tempo esse sem ordem ou espera.
Tempo nosso traduzido em:
Amor, paixão e saudade.

4 comentários:

  1. [esse o benfazejo fogo que não se deve nunca por nunca, apagar]

    um imenso abraço, Jacque

    Leonardo B.

    ResponderExcluir
  2. Esse fogo que nos sustenta, amigo Leonardo!

    O amor, a paixão... Sentir é queimar-se.

    Um beijo, poeta!

    ResponderExcluir
  3. Fabiana,

    Adoro sua presença aqui! Obrigada!

    Beijos!

    ResponderExcluir

O que sentiu sua alma?

Vida

Vida
Há muito o que ser escrito...

A quem siga vivendo de alegria ou agonia... Eu sigo vivendo da minha alegre e agonizante poesia.
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

  © Blog Design by Simply Fabulous Blogger Templates

Back to TOP