sexta-feira, 5 de junho de 2009

Entrelaços



Entre laços. Entre nós. Laços e abraços.

O amor é um grande e infinito passo.

De amor eu me refaço.

E nos versos eu sigo o teu compasso.

Amor se aprende todo dia, sem cansaço.

2 comentários:

  1. "Conte a sua história ao vento,
    Cante aos mares para os muitos marujos;
    cujos olhos são faróis sujos e sem brilho.
    Escreva no asfalto com sangue,
    Grite bem alto a sua história antes que ela seja varrida na manhã seguinte pelos garis.
    Abra seu peito em direção dos canhões,
    Suba nos tanques de Pequim,
    Derrube os muros de Berlim,
    Destrua as catedrais de Paris.
    Defenda a sua palavra,
    A vida não vale nada se você não
    viver uma boa história pra contar."
    (Pedro Bial)

    Na impossibilidade de entrar em detalhes, como eu gostaria imensamente como todos amigos que tenho, venho trazer um pouco de poesia e desejar que seu domingo, sua nova semana seja de mil cores, que tenhas muitas alegrias!

    Um abraço

    Sônia

    ResponderExcluir
  2. Ser poeta é ser mais alto, é ser maior
    Do que os homens! Morder como quem beija!
    É ser mendigo e dar como quem seja
    Rei do reino de Aquém e de Além Dor!

    É ter de mil desejos o esplendor
    E não saber sequer que se deseja!
    É ter cá dentro um astro que flameja,
    É ter garras e asas de condor! É ter fome, é ter sede de Infinito!
    Por elmo, as manhãs de oiro e de cetim ...
    É condensar o mundo num só grito!

    E é amar-te, assim, perdidamente ...
    É seres alma, e sangue, e vida em mim
    E dizê-lo cantando a toda a gente!
    Abraços,
    Giulio

    ResponderExcluir

O que sentiu sua alma?

Vida

Vida
Há muito o que ser escrito...

A quem siga vivendo de alegria ou agonia... Eu sigo vivendo da minha alegre e agonizante poesia.
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

  © Blog Design by Simply Fabulous Blogger Templates

Back to TOP