segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Somente nós



- Sou a sua extensão.


Mergulho em dois lagos de caramelo
Vicejantes no teu rosto
Enquanto do teu mel quase sinto o gosto
Tento te dissuadir do fel que lhe molha o olho
E me perco de alma e corpo
Enquanto tua voz ouço
O mundo fica tão pouco
Nada mais existe
Somente nós: de desejo dois loucos

Créditos à você, meu poeta!

10 comentários:

  1. Que profundo!!!

    Realmente você arrasa!!!!!!!!!!!!!!!

    Um beijo e Parabéns

    ResponderExcluir
  2. Maravilhoso o seu espaço!
    Voltarei mais vezes.

    Um beejo

    ResponderExcluir
  3. ele bem merece, o seu poeta!


    aqui tudo é feito de poesia, até a poesia!

    beijão

    ResponderExcluir
  4. "Somente nós: de desejo dois loucos "

    me lembra certas coisas..
    beiijs ;*

    ResponderExcluir
  5. Ju, obrigada. A poesia foi ele que escreveu. Ele escreve muito bem. Créditos totais à ele!

    Um beijooo, Ju!

    ResponderExcluir
  6. Julio... e, é por isso que te adoro! :)

    ResponderExcluir
  7. Essência e Palavras, Ah, volte! Estarei esperando. Que bom que gostou!

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  8. Paradoxos, vindo de você, sinto0me mais que honrada!

    Obrigada!

    ResponderExcluir
  9. Priscilla, ah... Loucura boa é a paixão!

    Beijo!

    ResponderExcluir

O que sentiu sua alma?

Vida

Vida
Há muito o que ser escrito...

A quem siga vivendo de alegria ou agonia... Eu sigo vivendo da minha alegre e agonizante poesia.
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

  © Blog Design by Simply Fabulous Blogger Templates

Back to TOP